Ângulo Produções

Ângulo Produções
Serviço Profissional de Fotojornalismo e Vídeojornalismo - Informações Ligue (11) 2854-9643

segunda-feira, 30 de maio de 2016

Troupe Parabolandos oferece vagas para oficina de Teatro Livre

Gisleine Zarbietti
Curso é oportunidade para quem quer perder a timidez e melhorar a autoestima

Prestes a completar 11 anos, a Troupe Parabolandos está com inscrições abertas para a oficina de Teatro Livre, na qual serão desenvolvidos jogos dramáticos, cenas, improvisação e técnicas de interpretação para teatro, cinema e televisão. As vagas são limitadas e os interessados devem comparecer na sede da troupe, que fica na Avenida Antônio Marques Figueira, 581, no centro de Suzano.

Para a matricula é necessário portar RG, CPF, comprovante de residência e uma foto 3x4. O atendimento é realizado de terça a sexta-feira, das 14 às 21 horas, e aos sábados, das 9 às 18 horas. O curso está com valor promocional de R$ 55.

Keyla Godoy, diretora do espaço Troupe Parabolandos diz que a oficina é também uma oportunidade para quem quer perder a timidez e melhorar a autoestima, pois o conteúdo programático promove no aluno uma capacidade de se relacionar com mais facilidade e se tornar uma pessoa mais comunicativa e criativa.

"O foco é não somente os interessados em atuar, mas também professores da educação regular que queiram aprimorar sua didática em sala de aula, universitários com dificuldades pra apresentar seminários e profissionais em geral que trabalham com público", diz.

Outros Cursos
A troupe também oferece cursos de Circo, em que são ensinadas técnicas de malabarismo, acrobacias, portagem e condicionamento físico; Dança, que conta com balé, contemporâneo e street dance; Dublagem, com sincronia, interpretação e práticas em estúdio; além de Curso de Teatro Infantil e formação de Teatro.

Fonte: AI

sábado, 28 de maio de 2016

Moro diz que prisão não basta para combater corrupção

André Richter 
O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela investigação da Operação Lava Jato, disse hoje (28) que a prisão de investigados não basta para combater a corrupção no país. De acordo com o juiz, também é necessário recuperar os valores desviados pelos criminosos, por meio de acordos de cooperação internacional ou de delação premiada. Moro participou nesta manhã de uma conferência sobre combate à corrupção em João Pessoa.

Moro destacou a importância dos acordos de cooperação internacional, principalmente com a Suíça, para repatriar ao Brasil recursos desviados da Petrobras para contas secretas no exterior. O juiz citou o caso de Pedro Barusco, ex-gerente da estatal e um dos delatores do esquema de corrupção, que tinha cerca de U$S 100 milhões depositados fora do país e devolveu a quantia após assinar um acordo de delação.

Segundo o magistrado, somente a pena de prisão não é suficiente para combater os desvios na Petrobras. "Hoje em dia, isso não é suficiente, também é necessário a recuperação do produto do crime. Não basta a punição, a sanção corporal, a pena privativa de liberdade. É necessário fazer com que o crime não compense financeiramente. Isso significa a necessidade de retirar do criminoso o produto de sua atividade."

O juiz também ressaltou que a cooperação internacional nas investigações da Lava Jato é fundamental para a corroborar os depoimentos de delação premiada, que não podem ser usados unicamente como acusação no processo penal contra os investigados.

"Se os países não cooperam, simplesmente não se tem a prova do crime, e não se tem a possibilidade de recuperar esses ativos. É certo que parte do caminho do dinheiro foi descoberto através da colaboração de alguns desses indivíduos, que resolveram colaborar com a Justiça, mas, como se sabe, mesmo quando se tem essa colaboração, é sempre necessária ter a prova dessa colaboração, e essa prova às vezes é baseada nessa prova documental dos registros bancários", explicou.

De acordo com levantamento da Procuradoria-Geral da República (PGR), foram repatriados para o Brasil até o momento R$ 2,9 bilhões por meio de acordos de colaboração no âmbito da Lava Jato.

Fonte: AB

Culto dos Surdos - Desejo, tentação e pecados - Primeira Igreja Batista de Curitiba





"Cada um, porém, é tentado pelo próprio mau desejo, sendo por este arrastado e seduzido. Então esse desejo, tendo concebido, dá à luz o pecado, e o pecado, após ter se consumado, gera a morte." Tiago 1:14-16

"Pois a carne deseja o que é contrário ao Espírito; e o Espírito, o que é contrário à carne. Eles estão em conflito um com o outro, de modo que vocês não fazem o que desejam." Gálatas 5:17

Como resistir as tentações?

“Vigiem e orem para que não caiam em tentação. O espírito está pronto, mas a carne é fraca.” Mateus 26:41

"Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do Diabo" Efésios 6:11

"Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim." Gálatas 2:20

"Além disso, usem o escudo da fé, com o qual vocês poderão apagar todas as setas inflamadas do Maligno." Efésios 6:16

“Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso." Mateus 11:28

Mensagem do dia 7 de maio de 2016 (07/05/2016), no culto de surdos da PIB de Curitiba. Pregação pelo pr. Salomão Lins, totalmente em libras. O culto acontece no 2o andar da igreja, todo sábado as 18h.

#Eleições2016 - "Nosso Bairro, Nossa Gente" chega ao Miguel Badra e ao Recreio Sertãozinho neste fim de semana

Carla Fiamini
Após reuniões realizadas nas regiões da Vila Amorim, de Palmeiras e do Raffo, projeto encabeçado pelo PR chega, nesta semana, a duas das maiores regiões periférias de Suzano; encontros serão realizados a partir das 15 horas e contarão com a participação de lideranças partidárias que apoiam a pré-candidatura a prefeito do empresário e engenheiro Rodrigo Ashiuchi (PR)

Com o objetivo de ouvir a população em busca de ideias que auxiliem na elaboração de um plano de governo para Suzano, "Nosso Bairro, Nossa Gente", projeto orquestrado pelo PR, chega ao Miguel Badra e ao Recreio Sertãozinho, nesta semana. O pré-candidato a prefeito pelo partido, o engenheiro e empresário Rodrigo Ashiuchi (PR), estará à frente dos trabalhos. Presidentes das agremiações que fazem parte do arco-partidário comandado pelos republicanos (PRP, PSL, Solidariedade, PTdoB e MB) também estarão presentes.

Amanhã (28 de maio), a reunião acontece a partir das 15 horas, na avenida Edmilson Rodrigues Marcelino, 413. Participarão moradores do Miguel Badra Baixo e Alto, Boa Vista e Sesc. Já no domingo (29 de maio), também às 15 horas, o encontro será realizado na rua João Mendonça da Silva, 355 - Recreio Sertãozinho. Devem aderir às discussões aqueles que fixam residência no bairros Jardim Revista, Dona Benta, Jardim Alterópolis, Jardim Graziela, Jardim São José, Jardim Gardênia e Recreio Sertãozinho e nas localidades adjacentes.

Aberto ao público em geral, o projeto deverá reunir um grande número de pessoas, a exemplo do que já aconteceu nos eventos anteriores. No último dia 23 (segunda-feira), a reunião foi realizada para a comunidade do Raffo e do Jardim Leblon. A comunidade local falou sobre a necessidade de a região ter postos de saúde que, de fato, funcionem, inclusive para desafogar a demanda da Santa Casa de Misericórdia de Suzano, que, em razão da falta de qualidade no acolhimento da rede básica, está abarrotada de casos de pequena complexidade.

A população local também ressaltou a importância de os bairros contarem com melhor infraestrutura, inclusive, com a sugestão de uso de bloquetes que não agridem o Meio Ambiente. O povo ainda solicitou a instalação de agências bancárias, pois, os que precisam resolver pendências financeiras não têm outra opção senão se deslocarem até o centro da cidade, que fica a quilômetros de distância:

"O ideal, na verdade, seria o Raffo e o Jardim Leblon, assim como outros bairros do distrito de Palmeiras, contarem com uma subprefeitura. É nítida, também, a necessidade de creches. Muitas mães não trabalham fora, porque não têm onde deixar seus filhos. Para estes casos, teremos o projeto 'Mãe Crecheira', que será um divisor de águas em Suzano", enfatiza o pré-candidato a prefeito pelo PR.

Durante o bate-papo com os moradores do Raffo e Jardim Leblon, Ashiuchi afirmou que 75% dos últimos planos de governos não foram colocados em prática. O político acredita, inclusive, que isso acontece em Suzano porque os governantes não ouvem o povo como deveriam. O republicano, por diversas vezes, enfatizou a importância de se ter uma gestão participativa no município:

"O projeto 'Nosso Bairro, Nossa Gente' é o começo do que queremos implantar ao chegarmos ao Poder Executivo. Seremos um governo muito próximo da população. Um governo participativo. A ideia é definirmos, juntos, os principais problemas da cidade, de cada região, e chegarmos às soluções plausíveis e executáveis, também em conjunto. Chega de programas e ações que ficam lindos no papel, mas que, depois, não podem ser implementadas em Suzano. Na nossa administração, o povo terá voz. Quem vê de perto as necessidades, encontra muito mais fácil a solução", afirma Ashiuchi.

Em 14 de maio (sábado), mais de 700 pessoas participaram da segunda edição do "Nosso Bairro, Nossa Gente", promovido no centro do distrito de Palmeiras. O lançamento ocorreu em 28 de abril (quinta-feira), na Vila Amorim, na Associação Fukushima. Na oportunidade, também acompanharam as discussões moradores do Jardim Colorado, Jardim Natal e Vila Urupês.

Serviço:
"Nosso Bairro, Nossa Gente"
Realização: PR, PRP, PSL, Solidariedade, PTdoB e MB
Objetivo: ouvir a população em busca de ideias que auxiliem na elaboração de um plano de governo para Suzano-SP

Próximos encontros:
- Miguel Badra Baixo
Data: 28 de maio (sábado)
Endereço: avenida Edmilson Rodrigues Marcelino, 413
Horário: às 15 horas
Aberto ao público

- Recreio Sertãozinho
Data: 29 de maio (domingo)
Endereço: rua João Mendonça da Silva, 355
Horário: às 15 horas
Aberto ao público

Ministro e secretário de Segurança do Rio falam sobre caso de estupro coletivo

O ministro da Justiça e Cidadania, Alexandre de Moraes, e o secretário de Segurança Pública do RJ, José Mariano Beltrame, se reúniram para falar sobre as investigações do caso do estupro coletivo de uma adolescente no Rio de Janeiro.
Ministro e secretário de Segurança do Rio falam sobre caso de estupro coletivo from Agência Brasil on Vimeo.

quinta-feira, 26 de maio de 2016

Vale do Anhangabaú recebe 16ª edição da Feira Cultural LGBT

Elaine Patricia Cruz
O Vale do Anhangabaú, no centro da capital paulista, recebe hoje, até as 22h, a 16ª edição da Feira Cultural LGBT, com barracas de moda, lazer, gastronomia e de organizações sociais que apoiam a causa LGBT. Há também um palco onde se apresentam bandas e artistas. O evento antecede a 20ª edição da Parada do Orgulho LGBT, que acontece neste domingo (29), na Avenida Paulista.

“A feira traz as ONGs que trabalham com a questão LGBT, pessoas que trabalham com produtos que visibilizam a questão LGBT, artistas da noite ou que tem esse foco e a alimentação. É para divulgar tanto um trabalho social e os trabalhos institucionais dos governos federal, estadual e municipal, como também é um momento lúdico, de diversão e interação”, disse Fernando Quaresma, presidente da Associação da Parada do Orgulho de Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transgêneros de São Paulo (APOGLBT).

Segundo Fernando Quaresma, a Parada do Orgulho LGBT deste ano pretende discutir principalmente a lei de identidade de gênero. Há um grupo de deputados federais que pretende revogar um decreto, assinado pela presidente afastada Dilma Rousseff, em abril deste ano, que permite o uso do nome social em toda a administração pública federal. O projeto de decreto legislativo, de número 395, tem apoio de 28 deputados.

“Nossa campanha traz uma luta em favor do segmento T, travestis e transexuais homens e mulheres. Ainda existe muito a se ganhar. Esse ano estamos lutando pela lei de identidade de gênero para que as pessoas possam ter um nome pela qual elas se identificam e direitos garantidos para esse segmento T, quer seja para permanecer na escola, para serem absorvidos no mercado de trabalho ou para serem respeitados pela família ou pela comunidade. Temos muito a lutar porque foi assinado um decreto, em Brasília, em que querem tirar o direito desse segmento de usar seu nome social. O Legislativo, infelizmente, não trabalha em favor da comunidade LGBT e essa é uma vitória que ainda temos que alcançar, de ter um Legislativo mais igualitário”, disse ele.

O casal Daniele Cristina Lima, 27 anos, auxiliar de produção, e Cátia dos Santos Reis, 35 anos, desempregada, visitou a feira no início da tarde de hoje. Daniele já esteve na feira em outros anos, mas esta era a primeira vez em que Cátia participou do evento. “É interessante. Estou gostando. Vim mesmo para conhecer”, disse ela.

“A feira é muito interessante tanto para homossexuais conhecerem quanto para os héteros saberem um pouco também sobre nossa cultura”, disse Daniele. Em entrevista à Agência Brasil, Daniele contou que ela ainda enfrenta muito preconceito nas ruas. “No meu caso sim, por causa do meu estilo. Ainda sofro um pouco para ir ao banheiro público. As pessoas me olham como se eu tivesse entrado no banheiro errado. Mas eu encaro isso normalmente. Não fico nem intimidada, nem nada. Só tento explicar para as pessoas que sou mulher mesmo e estou entrando no banheiro certo”, falou ela.

Alckmin
O governador de São Paulo Geraldo Alckmin visitou a feira no final da manhã de hoje. Segundo ele, a feira é importante porque “promove a diversidade e divulga a Lei 10.948, de 2001, que criminaliza a homofobia”. De acordo com o governador, a expectativa é que a Parada do Orgulho LGBT deste ano reúna cerca de 1 milhão de pessoas o que, segundo ele, “movimenta o turismo e a cidade”. “Mas o aspecto principal é o respeito. A injustiça cometida contra uma pessoa é uma ameaça a toda a sociedade”, destacou o governador.

Fonte: AB

Angela Merkel afirma que G7 deve manter sanções à Rússia

A chanceler alemã Angela Merkel defendeu que o G7 deve manter as sanções impostas à Rússia por causa do conflito no Leste da Ucrânia. “Para mim é muito cedo para dar sinal verde”, disse ela, sobre um eventual levantamento das sanções.

Merkel disse a  jornalistas que nenhuma mudança de posição sobre o assunto é esperada. A chanceler participa da Cúpula do G7, que ocorre até sexta-feira (27) no Japão.

O G7, grupo dos sete países mais industrializados do mundo, reúne Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Reino Unido e Estados Unidos. No ano passado, o grupo ameaçou Moscou com sanções mais duras “caso as suas ações tornem necessário”.

O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk considerou também que o G7 deve adotar uma “posição clara e dura” sobre todas as disputas territoriais, incluindo na Ucrânia e no mar da China.

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Academia Evangélica de Letras do Brasil prepara evento em São Paulo dentro do 5º Salão Internacional Gospel e lança livros na feira

A Academia Evangélica de Letras do Brasil, com sede em Minas Gerais, estando presente no Rio de Janeiro e agora em São Paulo, já confirmou presença dentro do 5º Salão Internacional Gospel - Expo Cultura Cristã. Esse ano, além de expor, a entidade presidida pelo Dr. Wyller Braulio Resende pretende, dentro da feira, dar posse dos imortais indicados para compor o corpo da academia em São Paulo.

Destaque para os jornalistas Luciana Mazza e Marcelo Rebello que foram convidados a se unir a Academia e que durante a feira, numa cerimônia, serão indicados a fazer parte do corpo de imortais.

Da Academia podem participar escritores, jornalistas, artistas, cantores, poetas, autoridades politicas e eclesiásticas, entre outros, mas só depois de uma análise do perfil e através da indicação de um membro.

Outro destaque será o lançamentos dos livros "Gorda eu?" de Fernando Meirelles e "Cadeia de Chocolate" de Laercio Narciso.

Quem desejar conhecer mais sobre a Academia de Letras não pode deixar de visitar o 5º Salão Internacional Gospel, a feira que representa o setor evangélico e que acontece de 7 a 10 de Setembro, no Expo Center Norte, em São Paulo.

Fonte: AI

terça-feira, 24 de maio de 2016

A relação da família na dependência química é tema de evento da SBB

Em sua nona edição, Seminário sobre Dependência Química acontece no dia 21 de junho, no Centro de Eventos – Museu da Bíblia, em Barueri (SP)

A Relação da Família na Dependência Química: Mitos e Verdades é o tema da nona edição do Seminário sobre Dependência Química, que acontecerá em 21 de junho, no Centro de Eventos de Barueri – Museu da Bíblia, em Barueri (SP). Realizado pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB), em parceria com a Comter (Comunidades Terapêuticas em Rede) e com o apoio do Comad (Conselho Municipal de Políticas sobre Drogas), o evento terá palestras e depoimentos de familiares de pessoas que enfrentam esse problema, além de atrações culturais.

“Quando tratamos o tema da dependência química, não podemos deixar de relacioná-lo com a família, que está intrinsecamente ligada ao problema e acaba, muitas vezes, ficando tão doente quanto o dependente. É preciso mostrar que ela é mais uma vítima e também precisa de cuidados”, explica Emilene Araujo, gerente de Projetos Sociais da SBB.

Para ajudar as famílias a identificar o seu papel, o encontro debaterá fatores como a culpa. “A família se culpa por não saber ou poder ajudar, além de se sentir responsável pela situação. Já o dependente sente-se culpado por ver a família sofrer e não conseguir cumprir as promessas feitas. Embora o contexto familiar possa facilitar a adicção por parte de seus membros, queremos mostrar que a decisão de usar ou parar de usar é sempre do próprio dependente químico”, ressalta a gerente.
Realizado com o objetivo de mobilizar a sociedade em torno do tema da dependência química, o encontro traz sempre a Bíblia como um forte instrumento de recuperação da família e do dependente químico. Nesta nona edição, o Seminário de Dependência Química deve reunir cerca de 500 participantes, entre dependentes químicos em recuperação e seus familiares e dirigentes de comunidades terapêuticas.

Confira a programação completa
8h30    Abertura e boas-vindas – Emilene Araujo, gerente de Projetos Sociais da SBB
9h00    Monólogo A Esperança, com a atriz Andreia Yarmalavicius
9h45    Os Desafios da Família Contemporânea: Prática da Fé – Erní Seibert, secretário de
Comunicação, Ação Social e Arrecadação da SBB
10h30 Intervalo
11h00  A Relação da Família na Dependência Química: Mitos e Verdades – Luiz Carlos F. Magno, mestre em Direito e delegado aposentado da Divisão de Prevenção e Educação (DIPE) do Departamento de Narcóticos da Polícia Civil de São Paulo (DENARC).
11h50  Apresentação da Rede Comter – Luís Gustavo Américo, presidente da Comunidade Terapêutica Conquista
12h00  Apresentação do coral Cristolândia.
12h45  Encerramento


Serviço:
9º Seminário sobre Dependência Química
A Relação da Família na Dependência Química: Mitos e Verdades
Data: 21 de junho de 2016 (terça-feira)
Horário: das 8h30 às 12h30
Local: Centro de Eventos de Barueri – MuBi
Avenida Pastor Sebastião Davino dos Reis, 672 – Vila Porto
Barueri – SP
Vagas limitadas
Inscrições: no site www.sbb.org.br/seminario_dep_quimica, ou pelos telefones 0800 727 8888, (11) 3474-5733 ou (11) 3474-5842.

O Conselho Municipal de Políticas sobre Drogas (Comad) é um órgão vinculado à Secretaria de Saúde de Barueri, que coordena as ações de prevenção ao uso indevido de álcool e outras drogas no município. Reporta-se aos Conselhos Estadual e Nacional Antidrogas, diretamente ligados ao Gabinete de Segurança Institucional do Governo Federal. O Comad coordena, desenvolve e estimula atividades de prevenção, tratamento e reinserção social procurando integrar todos os segmentos sociais, assegurando a maior participação possível dos movimentos comunitários.

As Comunidades Terapêuticas em Rede (Comter) foram criadas pela Sociedade Bíblica do Brasil (SBB), em parceria com comunidades terapêuticas que têm na Palavra de Deus a direção de seus trabalhos. Tem como objetivo ser referência multidisciplinar de reflexão, formação de ideias, discussões de cooperação e desenvolvimento das comunidades terapêuticas. Além disso, busca contribuir na qualidade do desenvolvimento das atividades de comunidades terapêuticas e organizações sociais que trabalham no processo de prevenção e tratamento da dependência química, bem como promover informações, troca de experiência e facilitar o estudo da Bíblia entre o público envolvido nessa questão.

A SBB e o programa A Bíblia na Recuperação da Dependência Química – Fundada em 1948, no Rio de Janeiro, a Sociedade Bíblica do Brasil tem como missão "promover a difusão da Bíblia e sua mensagem como instrumento de transformação e desenvolvimento integral do ser humano”. É uma entidade sem fins lucrativos, de natureza religiosa, social e cultural. Sua finalidade é traduzir, produzir e distribuir a Bíblia, um bem de valor inestimável, que deve ser disponibilizado a todas as pessoas. Por seu caráter social, desenvolve programas com o objetivo de promover o desenvolvimento espiritual, ético e social da população brasileira.

O programa A Bíblia na Recuperação na Dependência Química tem o objetivo de contribuir para a recuperação dos dependentes químicos e prevenir o uso de drogas. É desenvolvido em parceria com organizações especializadas no tratamento terapêutico desse público. Em parceria com essas organizações, a SBB criou a Comter (Comunidades Terapêuticas em Rede), a fim de estimular a troca de experiências e a utilização da Bíblia no processo de recuperação.

Por meio deste programa, desde 2008 a SBB promove os seminários, cujo grande diferencial é divulgar o papel da Bíblia neste processo, incentivar a participação de dependentes químicos em recuperação, sejam eles internados em comunidades terapêuticas ou em tratamento ambulatorial, e auxiliar pessoas que trabalham com esta questão.

Fonte: AI

Jonas Vila grava clipe com a participação de Bruno e Marrone

A gravadora Universal Music Christian Group preparou três episódios nos quais o cantor sertanejo Jonas Vilar apresenta cada uma das faixas do projeto “Vitória”. Gravado em Belo Horizonte, no primeiro semestre de 2015, o DVD acaba de chegar às lojas com 22 faixas. O CD teve lançamento em novembro de 2015.

Jonas Vilar também acaba de anunciar em suas redes sociais a gravação do clipe “Noites Traiçoeiras”, que conta com a participação especial da dupla Bruno e Marrone. Jonas se mostrou empolgado com a gravação: “Me sinto honrado em ter essa dupla tão querida por todo o Brasil e exterior, fazendo parte de um momento especial da minha carreira. A música “Noites Traiçoeiras” traz em sua letra uma mensagem profunda, pois ela diz da esperança que é Jesus”, afirmou.

Outra novidade também divulgada por Jonas é o show de lançamento do DVD “Vitória”, que será realizado  em agosto, no Teatro Positivo, na cidade de Curitiba.

Neste primeiro episódio do faixa–a-faixa, se destacam o primeiro single, “A vida é tudo de bom”, além das músicas “Olha à Frente”, “Vem cá, vem ver”, “Primeiro o reino” e “Meu barquinho”.

Assista ao 1º episódio do faixa-a-faixa com Jonas Vilar, clicando aqui.

Fonte: AI

Vereadores de Ferraz derrubam veto a correção salarial de prefeito, vice e secretários

Pedro Ferreira
Em única discussão, a Câmara Municipal de Ferraz de Vasconcelos derrubou o veto total do Poder Executivo ao projeto de lei nº 166/2016 de sua autoria que concede a correção salarial de 9,83% aos subsídios do prefeito, vice-prefeito e secretários municipais. A votação da matéria ocorreu na sessão ordinária, na segunda-feira, dia 23. A revisão é retroativa ao dia 1º de maio. Em 2015, a atualização dos subsídios foi de 8,34%. O veto total será sancionado nos próximos dias pelo Legislativo.

O prefeito em exercício, José Izidro Neto (PMDB) decidiu propor o veto total a matéria alegando a falta de dinheiro em caixa para honrar o compromisso. Para o chefe do Poder Executivo, a crise financeira atual afeta, drasticamente, o cofre local e, portanto, exige o sacrifício de todos. Além disso, ele justifica que o limite da folha de pagamento atingiu o teto máximo de 54% e, ao mesmo tempo, não existe reserva orçamentária prevista na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Mesmo assim, a argumentação do governo municipal não foi suficiente para convencer o plenário a manter o veto total ao projeto de lei. Na prática, pesou ainda favorável a decisão dos vereadores o fato de a Comissão Permanente de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Casa ter emitido parecer contrário, isto é, considerado o texto do Poder Executivo inconstitucional por violar o artigo 37 da Constituição Federal, bem como ferir o princípio da isonomia.

Com isso, os subsídios do prefeito, vice e secretários vão passar, respectivamente, de R$20.268,99, para R$22.261,43, de R$10.134,50 para R$11.941,13 e de R$11.779,14 para R$12.937,03. Para o vereador, Juracy Ferreira da Silva (PMDB), a administração da cidade precisa arrumar um jeito para pagar a referida correção salarial. Luiz Fábio Alves da Silva (PMDB), o Fabinho, disse que aplicar a revisão monetária é um direito de todo o trabalhador.

Geral
Na semana passada, os vereadores tinham votado ainda a mesma revisão salarial aos mais de 3,2 mil servidores públicos da municipalidade, assim como, aos subsídios dos vereadores. A revisão geral nos vencimentos dos funcionários locais está amparada na Lei nº 3.039, de 16 de março de 2011, que instituiu a data-base da categoria. No fundo, os 9,83% correspondem ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), pesquisado de abril a abril do ano passado pelo Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE)

Fonte: AICMFV / Foto: Site da Câmara

Líderes das maiores religiões do mundo se reconciliam

Nunca houve na história um papa tão amigo do Islã, afirma especialista

Nesta segunda (23), o papa Francisco recebeu no Vaticano o imã Ahmed el-Tayeb, da Mesquita de al-Azhar, em Cairo. Ele é um dos principais líderes do ramo sunita, que reúne cerca de 85% dos seguidores do islamismo. O encontro histórico marcou a retomada oficial da relação entre católicos e muçulmanos.

Desde 2011, quando o papa Bento 16 fez declarações negativas sobre a fé islâmica, as relações dos líderes sunitas com a Igreja Católica foram cortadas. O que resultou no rompimento foi uma crítica ao ataque que matou 21 pessoas em uma igreja cristã copta em Alexandria. O antecessor de Francisco afirmou que havia “uma estratégia de violência que coloca os cristãos como alvo”.

A partir do momento em que assumiu o pontificado, Francisco vem estimulando a proximidade das duas maiores religiões do mundo. Ele enviou uma carta para el-Tayeb assim que assumiu o papado. Agora, isso ficou oficializado.  Ao receber Ahmed no Palácio Apostólico, afirmou: “O encontro é a mensagem”. A conversa durou cerca de meia hora. Depois, ambos posaram para a imprensa e se cumprimentaram com beijos e abraços.

De acordo com o que foi divulgado pelo porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi, os temas abordados foram o diálogo inter-religioso entre o cristianismo e o islamismo. O pontífice ressaltou ao imã “a necessidade de que os líderes e os fiéis das duas maiores religiões do mundo mostrem compromisso comum para a paz no mundo”.

A questão do extremismo religioso e “as dificuldades enfrentadas pelos cristãos no contexto dos conflitos e tensões no Oriente Médio e sua proteção”, afirmou o comunicado oficial. Nem uma palavra foi dita sobre o Estado Islâmico, que se baseia grandemente na interpretação sunita do Alcorão.

John L. Allen, um especialista em catolicismo, afirmou que nunca houve na história um papa “tão amigo do islã”. Desde que se tornou papa, Francisco tem defendido uma agenda ecumênica e já visitou a Autoridade Palestina e 4 nações de maioria muçulmana: Jordânia, Turquia, Albânia e Sarajevo. Além disso, vem defendendo a entrada de imigrantes muçulmanos na Europa, situação impensável para os pontífices medievais.

Para Allen, também é significativa declaração do líder máximo dos católicos semana passada: “A ideia de conquista é inerente à alma do Islã, é verdade. Mas isso poderia ser visto como a mesma ideia de conquista presente no fim do Evangelho de Mateus, onde Jesus envia seus discípulos a todas as nações”. A comparação entre jihad e a Grande Comissão é algo inédito, vinda de um papa.

Fonte: GP / Com informações de Washington Post e Breit Bart

sábado, 21 de maio de 2016

PR de Suzano-SP lança "Nosso Bairro, Nossa Gente" e fortalece projeto rumo às eleições de 2016

C arla Fiamini

Ao lado de PRP, PSL, Solidariedade, PTdoB e MB, republicanos estão percorrendo os bairros da cidade para ouvir o cidadão e tomar nota de suas principais necessidades; informações serão utilizadas na elaboração do plano de governo do pré-candidato a prefeito da aliança suprapartidária, Rodrigo Ashiuchi (PR), que tem participado de todos os encontros

O PR de Suzano-SP está percorrendo as regiões da cidade para dar voz à população, ouvir suas principais necessidades e, a partir dos levantamentos, elaborar a minuta que vai servir de espinha dorsal ao programa de governo do pré-candidato a prefeito pelo partido, o engenheiro e empresário Rodrigo Ashiuchi (PR). PRP, PSL, Solidariedade, PTdoB e MB engrossam o projeto "Nosso Bairro, Nossa Gente", que, nesta segunda-feira (23 de maio), poderá ser conferido pela comunidade do Raffo e do Jardim Leblon. No sábado (14 de maio), mais de 700 pessoas participaram da segunda edição do encontro, promovido em Palmeiras. O lançamento ocorreu em 28 de abril (quinta-feira), na Vila Amorim.

Segundo o postulante à majoritária, "Nosso Bairro, Nossa Gente" tem dois objetivos. Primeiro, conceder espaço à população, para que ela possa sugerir e reclamar sobre o que acontece em Suzano, sobretudo quanto aos equipamentos que são gerenciados pelo poder público, como é o caso de postos de saúde e das escolas da rede municipal de ensino, os serviços prestados na área da Segurança e a aplicação de recursos dos cofres municipais - provenientes dos impostos pagos pelo contribuinte. O segundo aspecto refere-se à utilização do levantamento para preparar o plano de governo do arco suprapartidário liderado pelo PR de Ashiuchi:

"Vivemos outros tempos. Não se pode achar que administrar uma cidade é ficar de protagonista num gabinete, enquanto o povo, numa espécie de papel secundário, fica refém, sofrendo por não encontrar um remédio no posto de saúde, ou por não conseguir vaga na creche, e nem saber porque isso acontece. Hoje, temos de governar ao lado daquele que mais entende sobre o que funciona ou não funciona na cidade. É o cidadão que vive o dia a dia de Suzano que pode nos ajudar a confeccionar o melhor programa de governo para a cidade, aquele que fará com que o município volte a se desenvolver. Infelizmente, em razão do abandono em que está a cidade, muitos têm até vergonha de dizer que moram aqui. Sem contar aqueles que estão se mudando, por não enxergarem esperança. Vamos trabalhar para reverter esse quadro", complementa o prefeiturável.

O próximo encontro está marcado para acontecer segunda-feira, às 19 horas, na chácara Marangoni (rua Ozarias Alves Tavares, 293, Chácara Ceres). A reunião será realizada para as comunidades do Raffo, Jardim Leblon, Vila Helena, Jardim Samambaia e adjacências. Entre as lideranças da aliança suprapartidária que apóiam Ashiuchi, estarão presidentes de partidos, como é o caso de Cíntia Renata Lira da Silva, que comanda os republicanos na cidade, José Renato da Silva, presidente do MB, além de pré-candidatos a vereador da região.

No ultimo sábado, "Nosso Bairro, Nossa Gente" reuniu mais de 700 pessoas na região central de Palmeiras. Entre as principais reivindicações, conforme Cintia ressalta, estava a falta de estrutura do distrito, não apenas quanto às políticas públicas de atendimento direto ao suzanense, mas, também, quanto à ausência de zelo com quem mora a quilômetros de distância do centro de Suzano:

"É triste, mas quem tem Palmeiras como endereço sente-se abandonado. A distância do distrito do centro de Suzano é grande, e os cidadãos não encontram no bairro estrutura. A população reclama da falta de qualidade no transporte. Está bem complicado, também, o acolhimento na Saúde. Enfim, abrirmos esse espaço para nos comunicarmos e tomarmos nota de absolutamente tudo", complementa Cintia.

Para aquela região, Ashiuchi pretende levar uma agência bancária, pavimentação asfáltica, construir um terminal de ônibus, lançar o projeto "Mãe Crecheira", trabalhar para que o Pronto-Atendimento (PA) atenda devidamente, além de desejar investir na organização da Subprefeitura de Palmeiras.

O lançamento do "Nosso Bairro, Nossa Gente" ocorreu no último dia 28, na Associação Fukushima. Participaram moradores da Vila Amorim, do Jardim Colorado, da Vila Urupês e adjacências.

Fonte: AI

sexta-feira, 20 de maio de 2016

Brasil externa pesar às famílias de vítimas de acidente com voo da EgyptAir

O Ministério das Relações Exteriores divulgou nota hoje (20) informando que “o governo brasileiro tomou conhecimento, com grande pesar, do desastre com o voo MS804 da companhia Egypt Air, que vitimou 66 pessoas, em sua maioria cidadãos egípcios.”

O Itamaraty acrescenta que “o Brasil transmite aos familiares das vítimas e aos governos do Egito e dos demais países que tiveram seus nacionais entre as vítimas sua solidariedade e suas condolências.”

Destroços encontrados
Parte de um corpo, duas poltronas e uma ou várias malas foram encontradas hoje (20) pelas equipes que procuram os destroços do avião da Egypt Air que, na quinta-feira, caiu no Mediterrâneo, informou o ministro da Defesa grego, Panos Kammenos.

Em entrevista, ele disse que as informações foram dadas por autoridades egípcias, encarregadas da coordenação das buscas na zona do presumível local da queda do avião, que desapareceu na quinta-feira entre a ilha de Creta e a costa egípcia com 66 pessoas a bordo.

As forças armadas egípcias tinham anunciado pouco antes, embora sem dar detalhes, a descoberta de destroços e objetos pessoais de passageiros do voo MS804 “290 quilômetros a norte de Alexandria”.

Os objetos foram encontrados “um pouco mais ao sul” do presumível local de queda, calculada pelas autoridades gregas a 130 milhas da ilha de Karpathos, disse o ministro.

“As buscas continuam. Parece que aviões aliados localizaram outros destroços numa outra zona, mas não há nenhuma confirmação oficial de que são destroços do avião”, disse Kammenos. O avião da Egypt Air desapareceu dos radares ao início de quinta-feira, depois de fazer duas curvas acentuadas e cair no mar.

Fonte: AB

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Pat de Poá anuncia 30 vagas para montador de andaime

Entrevista será nesta sexta-feira (20/05) às 9h30 no NAP; para participar é preciso ter ensino fundamental e ser do sexo masculino

A Prefeitura de Poá se preocupa em auxiliar os interessados em conseguir uma colocação no mercado de trabalho. Para isso, o Posto de Atendimento ao Trabalhador de Poá (PAT) realizará nesta sexta-feira (20/05), entrevista para contratação de 30 montadores de andaime para trabalhar em Luíz Antônio, no interior de São Paulo. Para participar, basta comparecer às 9h30 no Núcleo de Atendimento à População (NAP), situado na Rua Vinte e Seis de Março, nº 72, Centro.

Segundo informou a coordenação do PAT, os candidatos devem ser do sexo masculino, ter ensino fundamental e experiência na área comprovada em CTPS de 6 meses a 1 ano.

O salário é de R$ 1.551,83 e a empresa International Paper oferece ainda refeitório no local, cesta de R$ 70,00, convênio médico e odontológico. O horário de trabalho é das 7h30 às 17h18.

Os interessados precisam comparecer com os documentos pessoais como RG, CPF, Carteira de Trabalho e comprovante de residência ao NAP.

Fonte: SCP / Foto: Julien Pereira

Brados de Vitória - Ministério Vinde Adorai

Anatel aprova programa de investimentos de R$ 3,2 bilhões da Oi para ampliação de serviços

O Conselho Diretor da Anatel aprovou hoje um programa de investimentos e correção de condutas proposto pelo Grupo Oi e estimado em R$ 3,2 bilhões com o objetivo de ampliar a cobertura e a qualidade dos serviços de telecomunicações, em especial da banda larga fixa e móvel. Os recursos deverão ser utilizados ao longo de quatro anos prioritariamente em localidades onde a infraestrutura de telecomunicações é deficiente ou mesmo inexistente.

De acordo com o programa de investimentos, o Grupo Oi deverá ofertar o serviço móvel de terceira geração (3G) em mais 681 municípios atendidos em 2G e expandir a cobertura em outros 159 já atendidos por 3G. O serviço 3G permite melhor experiência do usuário na utilização da internet em relação ao 2G. A meta é disponibilizar o 3G da Oi para 84% da população urbana brasileira (atualmente, está ao alcance de 79,5% da população urbana).

Outra medida relevante é a melhoria da infraestrutura do escoamento do tráfego de voz e dados em municípios mais críticos, especialmente no Nordeste e no Norte.  Os investimentos na chamada rede de transporte vão beneficiar cerca de 500 municípios com implantação de redes de fibra óptica, rádio IP de alta capacidade e roteadores de tráfego.

No Rio de Janeiro, o compromisso da prestadora é renovar a rede usada para a prestação dos serviços em 950 mil domicílios, com ênfase naqueles localizados na Baixada Fluminense. Os fios de cobre, antigos, serão substituídos por cabos de fibra ótica até as residências, o que permitirá maior qualidade nas conexões de internet fixa e oferta de novos serviços.

Em relação ao atendimento ao consumidor, a prestadora deverá implantar soluções mais modernas nos seus call centers, que permitam ao usuário resolver eventuais problemas com maior facilidade, incluindo a disponibilidade do autoatendimento via aplicativos em smartphones.

Os investimentos do Grupo Oi foram definidos no âmbito do processo de celebração de um termo de ajustamento de conduta entre a prestadora e a Anatel, que está sujeito à avaliação do Tribunal de Contas da União para ser efetivado.

Neste processo, a Anatel concordou em direcionar o valor das multas por descumprimento de obrigações para correção de condutas e investimentos em rede e atendimento, mencionados acima, trazendo benefícios concretos para os usuários ao longo de quatro anos.

Nessas discussões, a Anatel levou em consideração estudos e diretrizes que indicam a necessidade de expansão da banda larga como elemento essencial para a inclusão digital e desenvolvimento econômico e social, com ênfase nas pessoas que moram em áreas mais distantes dos grandes centros ou em localidades carentes de infraestrutura mais moderna.

O processo de troca de multas por investimentos e correção de condutas foi baseado no Regulamento de celebração e acompanhamento de Termo de Compromisso de Ajustamento de Conduta (TAC), aprovado pela Resolução nº 629, de 16 de dezembro de 2013. O regulamento foi aprovado após debate com a sociedade, por meio  de consulta pública.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Anatel

Alto Tietê debate políticas para juventude neste sábado (21/5)

Gisleine Zarbietti
Poá sediará neste sábado (21 de maio) o Encontro de Fortalecimento do Protagonismo Juvenil do Alto Tietê. O evento, que ocorre no Serviço Social Batuíra (Rua Porto Ferreira, 89, centro de Poá), das 8 às 16 horas deve receber adolescentes e jovens do Alto Tietê e está sendo organizado por instituições e ativistas dos direitos que fazem parte da Rede de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente do Alto Tietê. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail valusterno@ig.com.br.

A expectativa é receber cerca de 100 representantes de mais de dez municípios da região, o que possibilitará a formatação de um diagnóstico das políticas públicas para a juventude no alto Tietê a partir da percepção dos próprios jovens.

A atividade também tem como objetivo  a criação de uma comissão que irá acompanhar as atividades da Frente Parlamentar de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente da Assembleia Legislativa de São Paulo, coordenada pela deputada estadual Márcia Lia (PT).

Serviço:
Encontro de Fortalecimento do Protagonismo Juvenil do Alto Tietê
Data: dia 21 de maio (sábado)
Horário: a partir das 8 horas
Local: Serviço Social Batuíra (Rua Porto Ferreira, 89, centro de Poá)

Fonte: AI

Mogiano está entre os cem mais influentes da Saúde do Brasil

Carla Fiamini
Farmacêutico Paulo Henrique de Oliveira levou a melhor na categoria “Qualidade e Segurança”, em razão dos trabalhos que desempenhou como gerente corporativo do setor de Qualidade da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo; considerada o “Oscar da Saúde” no País, premiação organizada pelo Grupo Mídia será realizada na noite desta sexta-feira (20 de maio), no Expo Center Norte, capital

Mogiano, o farmacêutico Paulo Henrique de Oliveira está entre os cem mais influentes da Saúde do País de 2016. Publicado na mais recente edição da revista “Management – Tendências, líderes e práticas”, o ranking valoriza profissionais que fizeram mais pelo setor nos últimos 12 meses, mesmo diante às dificuldades pelas quais passa o Brasil. Considerado o “Oscar da Saúde”, o prêmio é organizado pelo Grupo Mídia e está em sua quarta edição. A cerimônia de entrega acontece nesta sexta-feira (20 de maio), às 18 horas, no Expo Center Norte (rua José Bernardo Pinto, 333 - Vila Guilherme, São Paulo-SP).

Oliveira tem 39 anos e é formado em Farmácia pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Cursou pós-graduação em Auditoria em Sistemas de Saúde, na Universidade Cidade de São Paulo (Unicid), e, no próximo mês, finaliza mestrado na UMC, em Ciências e Tecnologia em Saúde.

Também especialista na Metodologia Lean Healthcare, pelo Lean Institute Brasil, e formado em Acreditação de Sistemas de Gestão de Saúde, pela Organização Nacional e Acreditação (ONA), o mogiano foi escolhido como um dos cem profissionais mais influentes do Brasil na área da Saúde por conta dos trabalhos que desempenhou como gerente corporativo do setor de Qualidade da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo.

A escolha levou em consideração a visibilidade do farmacêutico no mercado; as ações que empreendeu no que reside à melhoria da qualidade e segurança dos pacientes, investimentos, soluções de atendimento e superação de desafios; além das estratégicas que adotou; confiabilidade no meio; e desempenho como gestor.

Na Rede São Camilo, Oliveira trabalhou por três anos e meio. Nos últimos 12 meses, sua gestão foi marcada por conquistas importantes. Em resposta aos esforços do profissional, por exemplo, a empresa recebeu acreditação canadense internacional (unidade Santana e Ipiranga), reacreditação “Joint Commission Internacional” (unidade Pompeia), bem como a Recertificação de Excelência por parte da ONA (unidade Ipiranga).

A revista “Management – Tendências, líderes e práticas” traz o ranking por categoria, um total de 20. Oliveira levou a melhor em “Qualidade e Segurança”. Esta é a terceira vez que a Rede São Camilo tem profissionais premiados pelo Grupo Mídia no “Oscar da Saúde” brasileira. No entanto, é a primeira vez que a outorga é oferecida ao farmacêutico, que, atualmente, também passa pelo processo de educador no Consórcio Brasileiro de Acreditação e é proprietário da JIO – Treinamentos, empresa instalada em Mogi das Cruzes e que é especializada em educação profissional e assessoria para serviços de Saúde.

O mogiano, porém, é bastante conhecido no meio, já que, nos últimos dez anos, ocupou cargos estratégicos no setor da Saúde em grandes empresas, como o Hospital do Serviço Social da Construção Civil do Estado de São Paulo (Seconci), onde foi gestor de Qualidade; o Instituto Qualisa de Gestão (IQG); na qual foi por três anos avaliador; e a Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM), onde trabalhou como gestor de Farmácia e Suprimentos.

Ao lado dos outros 99 mais influentes da Saúde do Brasil de 2016, Oliveira vai receber seu prêmio amanhã (20 de maio), às 18 horas, durante a “Feira Hospitalar”, abrigada no Expo Center Norte. Para ele, o reconhecimento lhe concede ainda mais responsabilidade e sinaliza que, apesar dos inúmeros problemas que a Saúde enfrenta, não de hoje, no Brasil, ainda há esperança para o setor, sobretudo quanto à assistência mais segura aos pacientes:

“Quando uma instituição opta em trilhar este caminho, não há como retroceder. E, um prêmio como este traz uma responsabilidade ainda maior no que tange promover assistência de qualidade. Quem procura um hospital não vai lá para comprar perfume. É preciso agilidade, respeito e qualidade, mas, principalmente, dignidade com o outro”, observa.  

Serviço:
Os cem mais influentes da Saúde no Brasil
Categoria “Qualidade e Segurança”: Paulo Henrique de Oliveira – em sua gestão como gerente corporativo do setor de Qualidade da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo
Ranking publicado na revista “Heathcare Management – Tendências, líderes e práticas”
Organizador: Grupo Mídia
Cerimônia de premiação: 20 de maio (sexta-feira), às 18 horas, durante a “Feira Hospitalar”, abrigada no Expo Center Norte (rua José Bernardo Pinto, 333 - Vila Guilherme, São Paulo-SP).

Contato com a JIO – Treinamento:
E-mail: paulo.oliveira@jiotreinamento.com.br
Telefone: (011) 9-8363-2525

Fonte: AI

Pastor assembleiano, deputado Ronaldo Nogueira é nomeado ministro do Trabalho no governo Temer

O novo ministro do Trabalho é o pastor Ronaldo Nogueira (PTB-RS), membro da Assembleia de Deus e eleito deputado federal nos dois últimos pleitos.

Nogueira não é o único sacerdote no ministério do presidente em exercício Michel Temer (PMDB). Além dele, o bispo Marcos Pereira (PRB-SP) – licenciado do cargo na Igreja Universal – assumiu o Ministério da Indústria e Comércio, depois que sua indicação à pasta da Ciência e Tecnologia sofreu inúmeras críticas da mídia.

Nogueira assume o Ministério do Trabalho sob o escrutínio da mesma mídia, ávida por deslizes, como evidencia a nota “Sem mulheres, mas com dois pastores”, publicada pelo jornalista Lauro Jardim no site do jornal O Globo.

“Marcos Pereira, ministro da Indústria e Comércio, não é o único pastor no primeiro escalão do governo Temer. Ronaldo Nogueira, ministro do Trabalho, é pastor da Assembleia de Deus”, informou Jardim.

Além de pastor, Nogueira, 50 anos, é administrador de empresas graduado pela Universidade Luterana do Brasil (Ulbra) de Porto Alegre, e pós-graduado em Gestão Pública pela Faculdade de Economia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Sua carreira política compreende mandatos como vereador em quatro legislaturas, além de ter atuado como secretário de Habitação e Assistência Social e de Obras e Serviços Urbanos do Rio Grande do Sul, além de diretor do Departamento de Transportes e diretor-presidente da Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS).

Em seu tempo na Câmara dos Deputados, foi presidente da Comissão Especial formada para estudar os projetos de alteração da Lei Geral de Telecomunicações e autor da proposta de criação do Programa Nacional de Renovação de Frota de Veículos Automotores, que visa a oferta de incentivos tributários para a troca de veículos com mais de 15 anos de uso

Fonte: GM