Ângulo Produções

Ângulo Produções
Serviço Profissional de Fotojornalismo e Vídeojornalismo - Informações Ligue (11) 2854-9643

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Vereador Tonho critica adiamentos de audiência pública em Ferraz

O presidente da Comissão Permanente de Saúde, Educação, Cultura, Lazer e Turismo (CPSECLT) da Câmara Municipal de Ferraz de Vasconcelos, vereador Antonio Carlos Alves Correia (PSD), o Tonho atacou o fato de o secretário municipal da Saúde, Luís Claudio Rocha Guillaumon já ter solicitado a Casa o adiamento por duas vezes consecutivas da audiência pública para prestar contas do setor referente ao 2º quadrimestre deste ano. Por isso, ele fez um requerimento cobrando uma posição oficial do Poder Executivo na sessão ordinária, na segunda-feira, dia 20. Para ele, a transferência de datas, previamente, agendadas está causando sérios transtornos.

Afinal, toda a vez que a audiência pública é remarcada a Câmara Municipal acaba gastando dinheiro para fazer a publicação da nova data na imprensa conforme determina a legislação. Além disso, o vereador Tonho classifica a medida como uma falta de respeito para com a instituição e a sociedade local em geral. Na prática, a primeira audiência pública seria feita no dia 30 de setembro, mas, terminou sendo reagendada para esta quarta-feira, dia 22, às 9h, mas, a pasta da Saúde pediu, de novo, para remarcar para o dia 14 de novembro. Vale lembrar que a prerrogativa para agendar o evento é da CPSECLT.

Tonho ressalta ainda que o prazo legal previsto para a realização da audiência pública do 2º quadrimestre de 2014 seria até o final de setembro. Na Tribuna, o vereador pediu a saída do secretário da Saúde. “Na verdade, falta-lhe competência para gerir a pasta”, dispara Tonho.  Já o presidente da Câmara Municipal, Luiz Fábio Alves da Silva (PSDB), o Fabinho disse que a crítica do colega, no tocante, a desmarcação da audiência pública pertinente e, ao mesmo tempo, cobrou o cumprimento da lei. Segundo ele, a Saúde precisa funcionar em todos os sentidos. O petista Claudio Ramos Moreira acrescentou que o atraso na prestação de contas na Saúde virou rotina pelo município.

Por outro lado, como a Secretaria Municipal da Saúde justificou o seu pedido de adiamento da audiência pública na última sexta-feira, dia 17, dizendo o Comus necessita de tempo hábil para emitir parecer quanto à prestação de contas condição essencial para que o material seja apresentado na Câmara Municipal, à vice-presidente do órgão Dulciléia da Silva Oliveira, a Dulce contestou essa versão em contato telefônico com a Assessoria de Imprensa do Legislativo, na segunda-feia, dia 20. Para ela, a pasta não tem enviado o seu relatório no período certo para o crivo dos conselheiros. "Portanto, a culpa pelo atraso não pode ser atribuída ao Comus", diz Dulce.

Fonte: AICMFV

Atender bem é obrigação. E bom negócio, por Ivan Hussni

Cliente insatisfeito é um problema maior do que parece. Além de desistir da sua empresa, ele migra para o concorrente, tende a falar mal do seu negócio (com a voz amplificada pelas redes sociais) e pode até recorrer a órgãos de defesa do consumidor. Portanto, suprir as necessidades e os desejos dele com produto de qualidade é imperativo. Mas sem um bom atendimento, o esforço para conquistá-lo corre sério risco de cair por terra. Posto isso, fica claro que dar atenção total a essa questão nunca é demais.

É ponto pacífico que todo cliente quer se sentir especial. E se a primeira impressão é a que fica, ela tem de ser, no mínimo, positiva. Contudo, não adianta acertar nesse momento e descuidar-se quando o cliente retornar. A excelência deve se tornar uma constante.

Quem atende precisa estar bem treinado, mas não pode agir de maneira mecânica, apenas repetindo procedimentos. Lembre-se: o cliente quer se sentir único. Educação, simpatia, cordialidade, boa vontade e conhecimento do que que é oferecido são pontos fundamentais. Porém, estar por dentro das características do produto ou serviço não significa assumir postura arrogante e desdenhar do consumidor como se ele fosse ignorante no assunto. As informações devem ser passadas de forma simples e direta, sem uso de termos que confundam ou inibam o interlocutor. Nunca menospreze o cliente achando que ele não pode pagar.

Passar a impressão de que quer se livrar logo do consumidor ou jogá-lo de um lado para outro da empresa são atitudes totalmente reprováveis (isso vale também para o pós-venda). Mostre rapidez, pois nenhum cliente tolera perder tempo.

A aparência de quem atende também merece cuidados. Ninguém gosta de ser recebido por uma pessoa mal vestida, suada, com cheiro de cigarro ou mascando chiclete. Desleixo jamais. O atendente representa a empresa e contribui decisivamente para a imagem do negócio.

O espaço físico e o ambiente devem ser agradáveis. Loja suja e desarrumada, assim como funcionários de cara amarrada são um tiro no pé.
Saiba ouvir. Sugestões são bem-vindas e reclamações não podem ficar sem solução.

O bom atendimento é mais do que uma obrigação, é um bom negócio, que pode representar seu diferencial.  Não se esqueça disso.

Ivan Hussni é Diretor técnico do Sebrae-SP

Viver é Lutar, por Eguinaldo Helio

Um poeta escreveu que viver é lutar. A vida é um combate, que aos fracos abate e aos fortes e bravos só pode exaltar. Essa também é uma verdade bíblica. Para nós que vivemos em um mundo que jaz no maligno (1 Jo 5.19) podem surgir ocasiões em que nos sentimos dentro de uma verdadeira guerra. Se estamos em um período de jejum então, muitas vezes a batalha se torna mais intensa. Parece que tudo conspira contra nós. Pessoas, situações, sentimentos interiores – sentimo-nos como se estivéssemos sendo alvo de ataques. E estamos mesmo. Por isso é preciso lutar.

De nada adianta ficarmos prostrados achando-se injustiçados pela vida. Dizer que Deus não nos ouve e não nos vê seria negar sua onipresença e onisciência. Achar que ele não nos ama é puro engano, pois é mais fácil uma mãe esquecer seu filho do que Deus se esquecer de nós. Abandonar os caminhos de Deus nesse momento é a maior tolice que alguém pode fazer, pois justamente Ele é a nossa força, nossa paz, nossa vitória.

O que podemos fazer nessa hora é levantar e combater. Combate o bom combate da fé, diz a Palavra. (1 Tm 6.12). Levantar nossa voz e clamar ao Senhor,  porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo (Rm 10.13). Mesmo que você não se sinta um vencedor, você é um vencedor. Aliás, a verdade da Palavra declara que somos mais do que vencedores (Romanos 8.37). Seus sentimentos nem sempre dizem a verdade (Jeremias 17.9).  Mas a palavra de Deus é a verdade (João 17.17).

Quando você levanta a voz e clama, louva e confessa a vitória, a presença, o amor e as promessas de Deus sobre sua vida, você está tomando posse da verdade de Deus. Você tem autoridade de Deus para repreender o inimigo (Lucas 10.19). Deus é fiel, enquanto o adversário é o pai da mentira. Ele quer que você acredite em coisas que não são reais. Todavia, você vai chamar por Deus e Ele vai ouvi-lo: Quando clamei, tu me respondeste; deste-me força e coragem  (Salmo 138.3).

Se tem vontade de chorar, chore. Derrame seu coração perante o Senhor. Mas não pare por aí. Levante. Lute. Ore. Creia. Repreenda o inimigo. Marche. Louve. E vença em nome de Jesus.

Fonte: Devocionais e Esboços

Vereador Willians do Gás apoia redução de jornada de profissionais de enfermagem

Enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem lutam pela aprovação do projeto de lei nº2295/2000, que dispõe sobre a redução da jornada de trabalho de 40 para 30 horas semanais. O texto em tramitação na Câmara dos Deputados altera a lei nº7.498/86 que regulamentou o exercício dessas profissões no País. Para pressionar a votação da matéria de autoria do então candidato à vice-presidente da República na chapa de Maria Silva (PSB), deputado federal, Beto Albuquerque (RS), o vereador Willians Santos (PSB), o Willians do Gás apresentou moção de apoio na sessão ordinária, na segunda-feira, dia 20.

Na moção de apoio em tramitação na Câmara Municipal, Willians do Gás define que a diminuição da carga horária de trabalho de profissionais de enfermagem objetiva, sobretudo, a preservação da saúde desses trabalhadores e, ao mesmo tempo, contribuir para aumentar a segurança dos próprios usuários. No texto, o parlamentar ferrazense cita ainda que no cenário atual no que se refere às políticas públicas, o pessoal da área de assistência social já conseguiu a sua redução da jornada de trabalho para 30 horas por semana. Para ele, não existe nenhum tipo de dúvida que a mudança no número de horas trabalhadas trará um impacto, altamente, positivo no dia-a-dia da categoria.

Além disso, a batalha pela aprovação do projeto, em Brasília, também justifica-se pela exposição direta às doenças, a acidentes e riscos profissionais. Enfim, o contato constante com muitas vidas em sofrimento, o perigo iminente da morte e a dor humana produzem como consequência o desgaste físico e emocional de enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem. A presente reivindicação da categoria não representa, meramente, uma ação corporativa de defesa de privilégios, mas sim, de uma briga por melhores condições de trabalho, já que, o profissional de enfermagem é o único que permanece no atendimento direto ao paciente durante 24 horas nos 365 dias do ano.

No fundo, trata-se de um anseio histórico da categoria que conta inclusive com a recomendação da Organização Internacional do Trabalho (OIT), órgão ligado a Organização das Nações Unidas (ONU). Pela OIT, a jornada de 30 horas é a melhor alternativa para trabalhadores da saúde e pacientes do planeta. A adoção da medida também ajudaria na criação de novas vagas no mercado de trabalho formal. A moção de apoio também assinada pela maioria da Casa poderá ser aprovada em única discussão na próxima sessão ordinária, na segunda-feira, dia 27, a partir das 18h. Depois, cópias serão enviadas para a Câmara dos Deputados, o Senado Federal e para o Conselho Regional de Enfermagem no Estado de São Paulo (Coren).

Fonte: AICMFV

Inflação oficial fica em 0,48% na prévia de outubro

A prévia da inflação oficial, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - 15 (IPCA-15), registrou uma taxa de 0,48% em outubro deste ano. O resultado é superior ao 0,39% da prévia de setembro e igual à taxa observada na prévia de outubro do ano passado. O dado foi divulgado hoje (21) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O IPCA-15 acumula taxas de 5,23% no ano e 6,62% no período de 12 meses. A taxa acumulada no ano supera o teto da meta de inflação do governo federal, que é 6,5%.

O IPCA-15 mede a variação dos preços no mercado varejista. Reflete o aumento do custo de vida da população. O período de coleta de preços, que acontece em estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços, concessionárias de serviços públicos e domicílios (para levantamento de aluguel e condomínio), vai do dia 13 do mês anterior ao dia 13 do mês atual.

Os gastos com alimentos foram os principais responsáveis pela alta da prévia da inflação oficial. O grupo de despesas alimentação teve taxa de inflação de 0,69%, influenciada principalmente pelo aumentos de preços de 2,38% das carnes, de 3,52% da cerveja, de 1,75% do frango e de 1,35% do arroz.

O grupo de despesas habitação também teve influência relevante na prévia da inflação oficial de outubro, com uma taxa de 0,8%. Os consumidores sentiram impacto principalmente da energia elétrica (com alta de preços de 1,28%) e de gás de cozinha (de 2,52%).

O custo com vestuário também subiu (0,7%) na prévia de outubro. Os demais grupos de despesas tiveram as seguintes taxas de inflação: despesas pessoais (0,4%), saúde e cuidados pessoais (0,37%), transportes (0,25%), artigos de residência (0,13%) e educação (0,08%). O grupo comunicação não teve inflação.

Fonte: AB

Reunião do Conselho Municipal da Saúde de Poá será dia 29

No encontro acontecerá a posse do secretário municipal de Saúde como presidente do Conselho e a eleição do vice

A Secretaria Municipal de Saúde de Poá realiza no dia 29 de outubro, mais uma reunião do Conselho Municipal da Saúde. Com objetivo de discutir as ações e as políticas públicas voltadas para esta área, os conselheiros vão se encontrar na Casa dos Conselhos, no dia agendado, às 9h30. Para esta reunião está marcada também a posse do secretário municipal de Saúde, Ali Sami El Kadri, como novo presidente do Conselho.

De acordo com a diretora de planejamento da pasta de Saúde, Gislene Vieira Alves, além de o novo secretário assumir a presidência do grupo, será realizada ainda a eleição do vice-presidente e a informação sobre os novos representantes do gestor, tendo em vista, que para um Conselho, devem integrar membros indicados pelo Executivo. Os demais conselheiros escolhidos também por meio de eleição continuam até terminar o biênio.

Conforme explicou a diretora de planejamento, faz parte da reunião a leitura da ata do encontro anterior, já que o Conselho se junta mensalmente em prol do debate, sugestão e fiscalização da Saúde. Os membros terão conhecimento a respeito do Sistema de Pactuação de Metas, chamado de Sispacto, que apresenta os índices de acordo com os setores da Saúde para o ano de 2015.

“Este Sispacto é preconizado pelo Ministério da Saúde em que metas como investimento, qual índice deve aumentar ou diminuir, são apresentadas e o Conselho deve estar ciente disso, portanto na reunião os membros serão informados”, ressaltou Gislene.

Para o secretário de Saúde, Ali Sami El Kadri, o Conselho Municipal tem um papel importante, pois além de ser um canal com a sociedade civil, é um grupo que auxilia na fiscalização e nas políticas públicas voltadas para a Saúde do município. “É possível inclusive passar um panorama sobre a área”, ressaltou.

O prefeito de Poá, Marcos Borges, disse que a atuação dos Conselhos Municipais contribui positivamente para o desenvolvimento dos serviços públicos. “É essencial a participação de membros da sociedade civil e trabalhadores das áreas envolvidos em questões do município. Aproveito para agradecer a participação dos Conselhos na cidade”, definiu.

A Casa dos Conselhos está situada na Avenida Prefeito Francisco Rodrigues Filho, nº 421, Centro. O telefone para mais informações é .

Serviço:
Reunião Conselho da Saúde
Data: 29/10/2014
Horário: 09h30
Local: Casa dos Conselhos
Rua Prefeito Francisco Rodrigues Filho, nº 421 - Centro - Poá
Telefone: 4639-8069

Beltrame diz que a integração das polícias do Rio garante a pacificação

A integração entre policiais civis e militares das unidades de Polícia Pacificadora (UPP) garante o avanço do processo de pacificação nas comunidades do Rio. A conclusão é do secretário de Segurança do estado, José Mariano Beltrame. Segundo dele, com a pacificação, as forças de segurança estaduais conseguem desenvolver ações de inteligência, que, normalmente, terminam em prisões. Salientou que, na maioria das vezes, as operações ocorrem sem necessidade de confrontos armados. “Já ocorreram operações integradas no Complexo do Alemão, no Pavão-Pavãozinho e no Morro dos Macacos, onde traficantes foram presos, permitindo o avanço do processo de pacificação. As ações integradas são a resposta policial para atos criminosos do tráfico. Não recuaremos um milímetro nessas comunidades”, assinalou.

Nos últimos três dias, as operações conjuntas nas comunidades da Ladeira dos Tabajaras (zona sul), Mangueira (zona norte) e Providência (zona portuária) resultaram em prisões e na apreensão de dois fuzis e drogas. Na Ladeira dos Tabajaras, foram presos quatro traficantes que participaram de um tiroteio na noite da última sexta-feira (17), além de uma mulher envolvida com tráfico de drogas. Dessa operação, participaram policiais da 12ª DP, em Copacabana, e da Unidade de Polícia Pacificadora Tabajaras/Cabritos. As equipes cumpriram mandados de prisão e de busca e apreensão e apreenderam um fuzil que, de acordo com as investigações, pode ter sido usado contra policiais militares.

Na Mangueira, um homem foi detido e apreendidos um fuzil calibre 556, dois carregadores, munições, uma granada e fardamentos do Exército, além de 99 frascos de lança-perfume, 49 comprimidos de ecstasy, duas embalagens com pasta base de cocaína, uma prensa hidráulica, balança de precisão e material para endolação de entorpecentes. No domingo, policiais da UPP Mangueira prenderam um homem conhecido como Paraíba, acusado pela morte do policial militar Thiago Rosa Coelho da Silva, na madrugada de sábado (18).

Na Providência, a operação apreendeu um artefato explosivo de fabricação caseira, 233 papelotes de cocaína, 162 pedras de crack e 40 trouxinhas de maconha, além de material para embalagem de entorpecentes. O trabalho envolveu policiais da 4ª DP, na Praça da República, centro do Rio, e militares da UPP local, com o apoio de agentes da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) e do Departamento Geral de Polícia da Capital (DGPC).

Fonte: AB

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Marcos Borges discute Passe Livre com representantes de movimento estudantil em Poá

O prefeito ouviu os estudantes e agendou uma nova reunião para sexta-feira (24)

Atento em relação às questões do projeto Passe Livre, que dispõe da gratuidade do transporte público na cidade aos estudantes, o prefeito de Poá Marcos Borges recebeu, na manhã desta segunda-feira (20), representantes do movimento que pedem este benefício. Esta é a segunda vez que o chefe do Poder Executivo poaense recebe o grupo com objetivo de ouvir as reivindicações e promover estudos para verificar as possibilidades de atendê-las.

No encontro foram feitos apontamentos, como a disponibilidade para o Passe Livre aos fins de semana, o custo do cartão, valores mínimo e máximo do salário considerado ideal e quilometragem máxima do percurso da viagem. De acordo com o prefeito, todas as questões colocadas em pauta serão analisadas por sua equipe técnica e uma nova reunião está agendada com o movimento para sexta-feira (24), às 8h30, no Paço Municipal.

“Quero ressaltar que sempre estou disposto a ouvi-los e agora temos que realizar estudos, tendo em vista, as questões debatidas nesta reunião. Estarei com as Secretarias de Planejamento, Fazenda e de Assuntos Jurídicos para verificar a viabilidade de inclusão ou retificações no projeto do Passe Livre”, disse Marcos Borges aos representantes do movimento.

O prefeito de Poá reforçou a importância da divulgação entre os estudantes sobre o projeto do Passe Livre. “Pela logística, o processo para tornar o Passe Livre de conhecimento dos alunos é realizar um trabalho nas escolas do município”, apontou.

Segundo informou o Poder Legislativo, o projeto de lei do Passe Livre, de autoria do Executivo, deve ser aprovado em segunda votação ainda este mês, no dia 29, porém uma nova Audiência Pública vai ocorrer no sábado (25), no plenário da Câmara. Foi explicado ainda aos representantes do movimento estudantil, que até mesmo com o projeto aprovado, existe a possibilidade de retificá-lo posteriormente.

Participaram da reunião, os secretários municipais Lauriston Barros (Transportes e Mobilidade Urbana) e Augusto de Jesus (Planejamento) e os vereadores Jeruza Lisboa Pacheco Reis, Mário Massayoshi Kawashima, o ‘Mário Sumirê’, Diogo Reis da Costa, o ‘Pernoca’, Welson Lopes, Antônio Nobre Ramos, o ‘Marquinhos Mecânico’, e Luiz Antônio Soares de Oliveira, o ‘Tonho’. O porta-voz do movimento em prol do Passe Livre Estudantil é Douglas Alves.

Fonte: SCP / Foto: Juliem Pereira

Liberdade, por Maria Regina Canhos

Enfrentamos atualmente momentos de frouxidão religiosa, moral e ética. Praticamente tudo é permitido, aceito, compreensível... Até verdadeiras barbaridades, que se pensava haviam sido erradicadas do comportamento humano, acontecem diariamente em plena luz do dia. Parece que as pessoas não pensam antes de tomar atitudes, apenas se deixam levar pelos impulsos. Vêm-me à mente leituras vinculadas aos estudos do pai da psicanálise, Freud, em que o mesmo afirmava que precisamos policiar nossos impulsos sexuais e agressivos. Biblicamente, encontramos em 1 Cor 6.12a: “Todas as coisas me são permitidas, mas nem todas são proveitosas.” Pensar antes de realizar é um bom primeiro passo para não cometermos erros e imprudências; isso para não dizer “pecados”.

Em tempos modernos, quase ninguém se lembra de que “pecados” são pequenas ou grandes transgressões aos preceitos religiosos. Mas, afinal, será que alguém se recorda o que é religião? Pesquisadores do Censo perguntam qual a nossa crença religiosa, e muitos respondem automaticamente, quase sem refletir, porque é necessário ter uma resposta. No entanto, daquilo que é apurado, imagino faltar opções para “não praticantes”: católicos não praticantes, evangélicos não praticantes, espiritualistas não praticantes; porque parece que atualmente o que mais encontramos são “não praticantes”. A esse respeito, encontramos em Ap 3.16: “Assim, porque tu és morno, e não és quente nem frio, estou a ponto de vomitar-te da minha boca.”

O comodismo diante da prática religiosa é brutal. Cada qual deseja fazer como lhe apraz. Certo que todos erramos, e como, mas um erro não pode justificar os demais. Em Atos dos Apóstolos, capítulo 17, versículos 30 e 31, está escrito: “No passado Deus não levou em conta essa ignorância, mas agora ordena que todos, em todo lugar, se arrependam. Pois estabeleceu um dia em que há de julgar o mundo com justiça, por meio do homem que designou. E deu provas disso a todos, ressuscitando-o dentre os mortos". Sem arrependimento não há perdão, e sem perdão não há salvação. “Mas, se não se arrependerem, todos vocês também perecerão.” (Lc 13.3b)

Para aqueles que têm consciência, e percebem que devem cuidar de algo precioso além do corpo físico, que é a nossa alma, uma boa providência é a observância dos preceitos religiosos. Na primeira carta de Pedro, capítulo 2, versículo 16, podemos ler: “Vivam como pessoas livres, mas não usem a liberdade como desculpa para fazer o mal; vivam como servos de Deus.” Muitas vezes, fazemos uso do livre-arbítrio que Deus nos dá para fazer opções desastradas e em desacordo com a vontade Dele. Depois fica difícil deixarmos de colher o fruto de nossas ações (Gl 6.7). Não há como plantar abrolhos e colher tesouros.

Precisamos nos posicionar quanto ao que queremos e desejamos para nossa vida presente e futura. Para isso temos liberdade. Viver intensamente os prazeres terrenos esquecendo-nos de nosso amanhã não parece ser escolha das mais sensatas, tendo em vista que todos envelhecemos, adoecemos e morremos. Urge cuidar também de nossa alma, praticando a justiça, pois: “Aquele que pecar é que morrerá. O filho não levará a culpa do pai nem o pai levará a culpa do filho. A justiça do justo lhe será creditada, e a impiedade do ímpio lhe será cobrada.” (Ez 18.20) Estejamos atentos, pois.

Maria Regina Canhos é escritora - e-mail: mariaregina.canhos@gmail.com


Ministério da Saúde garante acesso de presos aos programas do SUS

Portaria do Ministério da Saúde, publicada hoje (20) no Diário Oficial da União, aprova a adesão de estados e municípios à Política Nacional de Atenção Integral à Saúde das Pessoas Privadas de Liberdade no Sistema Prisional. Foram contemplados os estados de Alagoas, Pernambuco e da Bahia. Entre os municípios, a portaria inclui Canoas e São Gabriel (RS), Araguatins do Tocantins, Miracema do Tocantins, Dianópolis, Babaçulândia, Lajeado e Pedro Afonso (TO), Rialma (GO), Manaus (AM), Mossoró (RN), Belém (PA) e Alto Alegre do Maranhão (MA).

A política entrou em vigor em janeiro deste ano, com o objetivo de garantir o acesso de pessoas privadas de liberdade no sistema prisional ao cuidado integral do Sistema Único de Saúde (SUS).

Conforme o ministério, a estratégia permite que o serviço de saúde no sistema prisional passe a ser referência da Rede de Atenção à Saúde do SUS, qualificando a atenção básica no âmbito prisional como a principal porta de entrada do sistema.

A portaria destaca que a transferência de recursos financeiros para estados e municípios contemplados está condicionada à habilitação de equipes de saúde no sistema prisional. Elas precisarão ser cadastradas previamente no Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde.

Fonte: AB

Defesa Civil de Poá participa de reunião do PAM

O encontro é realizado mensalmente e faz parte de um calendário anual. A defesa Civil integra este Plano

O Departamento de Defesa Civil, órgão da Secretaria Municipal de Segurança Urbana de Poá, participou da reunião e visita técnica organizada pelo Plano de Auxílio Mútuo (PAM). O encontro ocorreu na semana passada na Estação de Tratamento de Água (ETA), localizada no Jardim Colorado, em Suzano.

A reunião, que é realizada mensalmente, faz parte de um calendário anual e segundo o agente de Defesa Civil de Poá, Moacir dos Santos, a cidade faz parte do PAM, que é formado por empresas privadas, Corpo de Bombeiros da região e Coordenadorias de Defesa Civil de vários municípios do Alto Tietê, entre órgãos e instituições.

De acordo com o agente, o PAM é uma instituição sem fins lucrativos, que visa prestar auxílio mútuo entre as empresas, municípios, Corpo de Bombeiros e Defesa Civil, bem como apoiar nas atividades em caso de sinistros.

Na reunião, além do conhecimento teórico que é oferecido através de palestras, foi feito o reconhecimento da planta do local, ou seja, o ETA, para que em caso de emergência seja prestado melhor atendimento, com rapidez e eficiência.

Para o Secretário de Segurança Urbana, Carlos Setsuo, a Defesa Civil do município está se equipando e se aperfeiçoando, principalmente com relação a treinamentos para que a cidade seja capaz de atuar com eficiência em caso de catástrofe, não somente no município, mas em auxílio também a toda a região do Alto Tietê.

Fonte: SCP

Nível do Sistema Cantareira está em 3,5%

Nova queda é registrada no nível de água do
 Sistema Cantareira, em São Paulo
O nível do Sistema Cantareira, hoje (20), está em 3,5%, de acordo com dados da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). Ontem, o reservatório estava com 3,6% de seu nível. No final da semana passada, a Sabesp informou que restavam apenas 40 bilhões de litros de água da primeira cota da reserva técnica do Cantareira que começou a ser retirada no dia 16 de maio.

Durante depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Sabesp, na Câmara dos Vereadores, a presidente da companhia, Dilma Pena, admitiu que, se não chover nos próximos dias, a primeira parte da reserva técnica pode acabar em meados de novembro. A alternativa seria utilizar a segunda cota do volume morto, autorizada pela Agência Nacional de Águas (ANA) no último dia 17.

De acordo com a Sabesp, a segunda cota acrescentará mais 106 bilhões de litros ao sistema. Mas a ANA determinou que o uso dessa cota obedeça regras que garantam o abastecimento da região metropolitana de São Paulo, até abril de 2015, sem prejuízo à bacia hidrográfica dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (PCJ). A proposta de retirada gradual da reserva foi encaminha ao órgão federal no dia 10 de outubro, pelo Departamento de Águas e Energia Elétrica do Estado de São Paulo (Daee).

A retirada de água da segunda cota do volume morto chegou a ser vetada por uma liminar judicial, mas a decisão foi suspensa pelo presidente do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3), desembargador federal Fábio Prieto, a pedido da Sabesp e do Daee. A ação foi proposta pelos ministérios públicos estadual de São Paulo e o federal (MPF), com a intenção de garantir que a primeira parte do volume morto não se esgotasse antes de 30 de novembro.

De acordo com a previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), São Paulo deve ter temperaturas variando entre 13 graus Celsius (ºC) e 35 ºC, com o céu parcialmente nublado e pancadas de chuva. Para amanhã, a previsão é céu parcialmente nublado a nublado com possibilidade de chuva em áreas isoladas e temperaturas que variam entre 8 °C a 30 °C. Na quarta-feira o céu deve estar parcialmente nublado, com pancadas de chuva isolada à tarde, no norte e noroeste do estado. As temperaturas variam entre 5 ºC e 32 ºC.

Fonte: AB / Foto: Divulgação Sabesp

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

PAT de Poá anuncia 100 vagas para motorista urbano

As oportunidades são para trabalhar em Mogi das Cruzes. A entrevista será na sede do Posto de Atendimento ao Trabalhador na segunda-feira (20)

Os interessados em conseguir uma colocação no mercado de trabalho podem procurar o Posto de Atendimento ao Trabalhador de Poá (PAT), que está localização no Núcleo de Atendimento à População (NAP), situado na região central da cidade. O PAT anunciou nesta sexta-feira (14) 100 vagas para motorista urbano, para atuar na cidade de Mogi das Cruzes.

Diariamente o Posto conta com diferentes oportunidades e a oferta de emprego para motorista já tem, inclusive, dia marcado para entrevista. De acordo com a coordenação do PAT, os interessados devem comparecer à sede do Posto na segunda-feira (20), às 9 horas. O endereço é Rua Vinte e Seis de Março, nº 72, Centro. O PAT fica no box nº 2 do NAP.

Na entrevista dos candidatos serão verificadas questões como: Carteira Nacional de Habilitação (CNH) a categoria adequada para motorista e, além disso, dados sobre a rotina de trabalho que o cargo exige. O salário é de R$ 1,2 mil e a empresa oferece ainda vale-refeição no valor de R$ 450, planos de saúde e odontológico, vale transporte e cesta básica.

Os interessados precisam comparecer com os documentos pessoais como RG, CPF, Carteira de Trabalho e comprovante de residência. De acordo com o secretário municipal de Indústria e Comércio, Ângelo Biancolin, cuja pasta é responsável pelo NAP, as pessoas que almejam ingressar no mercado de trabalho ou até mesmo uma nova oportunidade devem procurar o PAT.

“O PAT anuncia muitas vagas para diversas áreas, portanto procurar o setor com certa frequência propicia à pessoa maiores chances de conseguir novas oportunidades no mercado de trabalho ou até mesmo para aqueles que desejam iniciar sua trajetória profissional”, ressaltou o secretário.

Fonte: SCP / Foto: Julien Pereira

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Apoiado por lideranças evangélicas, Aécio Neves não mostrará pastores na TV, diz jornalista

O candidato a presidente da República Aécio Neves (PSDB) decidiu que não usará a imagem de líderes religiosos em sua campanha. A postura do senador mineiro é oposta à do colega tucano José Serra, que em 2010 exibiu vídeos de pastores em sua campanha.

A estratégia do ex-governador de Minas Gerais é evitar que seja acusado de ceder a pressão de religiosos, e contar apenas com a propaganda negativa que estes líderes farão contra Dilma Rousseff (PT).

“O apoio das lideranças evangélicas será tratado por Aécio de modo diferente do que foi por José Serra. Em 2010, Serra usou algumas dessas lideranças em seu programa de TV. Aécio não fará isso. Acha que se os religiosos espalharem propaganda negativa de Dilma Rousseff para os seus fieis já estará de bom tamanho”, informou o jornalista Lauro Jardim, colunista da revista Veja.

A postura do candidato tucano tem se mostrado eficiente, pois o pastor Silas Malafaia usou seu canal no YouTube para divulgar um vídeo com “cinco motivos para não votar em Dilma”, tecendo severas críticas à candidata à reeleição e sua política econômica, dentre outros pontos.

Aécio tem o apoio de diversas lideranças evangélicas, como os pastores assembleianos Marco Feliciano (PSC) e Everaldo Pereira (PSC); o apóstolo Valdemiro Santiago; a pastora Valnice Milhomens (que apoiou Marina Silva no primeiro turno); e o reverendo Augustus Nicodemus Lopes.

O respeitado teólogo presbiteriano recentemente declarou seu apoio ao tucano em sua página no Facebook: “De repente começo a ter esperança de que o governo do PT pode acabar mesmo. Como cristão, estou pronto a viver debaixo de qualquer tipo de governante, do imperador romano ao ditador ateu. Mas se houver a possibilidade de um governo menos corrupto e um Estado menos aparelhado, é nessa que eu vou”, escreveu Lopes.

Recentemente, Marina – que é missionária da Assembleia de Deus – também declarou seu apoio à Aécio Neves e afirmou que o país precisa de “mudança”.

Fonte: GM

Professores apostam no diálogo para conquistar confiança de alunos

O diálogo foi a forma encontrada por professores recém-formados para conquistar a confiança e o respeito dos estudantes. A professora de biologia Amanda Rodrigues e o professor de educação física Rafael Duarte começaram a dar aulas este ano, ambos no ensino fundamental. Para eles, conhecer os alunos é o segredo para uma boa relação.

“Posso estar sendo romântica, mas acho que ter carinho, se dedicar à profissão é ser um bom professor. E ser professor está muito além de chegar ali para escrever na lousa. É saber identificar se está tudo bem, até que ponto posso ir, ter um olhar diferenciado tanto para cada turma quanto para cada um”, diz Amanda.

Ela tem 24 anos, “com cara de 21”, como descreve. Desde março deste ano leciona biologia para alunos do 6º ao 9ª ano do Colégio do Sol, escola particular no Lago Norte, em Brasília. ‘Sou muito aberta, os alunos vêm conversar sobre a aula, sobre sexualidade”. A professora diz que se dedica à escola praticamente de segunda a segunda. “Sempre estou lendo, buscando coisas novas para levar a eles, procuro não ficar presa ao livro”, conta Amanda.

Com 23 anos, Rafael Duarte está na sala de aula há três meses, no 7º ano do Centro de Ensino Fundamental 03 do Gama, escola pública do Distrito Federal. “Dar aula é bem diferente do que se aprende na universidade, é mais pesado e mais difícil. A universidade não te prepara para a realidade que encontra em sala de aula”, diz. O professor busca, por meio de aulas práticas e teóricas, unir esporte com princípios como respeito e companheirismo.

Rafael, que trabalha com jovens da faixa etária de 12 a 14 anos, acredita que para uma boa aula é preciso diálogo, “e o diálogo tem que estar inserido na realidade deles. Se vamos trabalhar dança, por exemplo, tenho que buscar as músicas que eles escutam”. É também preciso ter jogo de cintura, nem sempre o que funciona em uma turma funciona na outra, acrescenta.

Na escola, os dois professores esbarraram em dificuldades que vão além da relação com os estudantes. Segundo Amanda, o currículo obrigatório restringe a criatividade e até mesmo o tempo. “Há muita coisa que desestimula. A educação é muito quadradinha”, diz. “Os professores têm muita coisa para cumprir”, observa. Ela tenta sair um pouco da rotina e, se está chato, tenta chamar a atenção dos estudantes. “Talvez por ser início de carreira”, pondera.

Rafael, que para a prática esportiva precisa de quadra, bola e outros materiais, esbarrou na falta de estrutura, coisa que não viveu no estágio. Além disso, tem o desafio de lidar com alunos munidos de smartphones e outras tecnologias. “É preciso saber usar essa tecnologia para aproximar o aluno de forma educativa”, comenta.

Fonte: AB

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Após manifestação, caminhão-pipa leva água a moradores de Itu

Moradores do bairro Cidade Nova, distante 13 quilômetros do centro da cidade de Itu, receberam água na manhã de hoje (14) de caminhões-pipa da concessionária responsável pelo abastecimento no município, a Águas de Itu. A população sofre com a falta de água desde fevereiro, e a maioria dos moradores relata não ter água nas torneiras há pelo menos 15 dias.

Na noite de ontem (13), eles fizeram mais uma manifestação na entrada do bairro, bloqueando as rodovias Waldomiro Corrêa de Camargo (SP-79) e Santos Dumont (SP-75). O protesto começou por volta das 17h e seguiu até as 23h, segundo os moradores. Pela manhã, ainda se via restos dos pneus e entulhos queimados em uma barricada.

Orciano Cassiano Borges, de 66 anos, tem uma funilaria em frente ao local do protesto. Ele conta que participou da manifestação, inclusive doando alguns dos pneus que foram queimados na barricada. Segundo ele, o ato foi pacífico e a Polícia Militar não precisou intervir.

O funileiro mora há 22 anos no bairro Cidade Nova e nunca vivenciou uma situação de falta de água como esta. “Só recebemos água quando tem manifestação. Recebi [abastecimento] domingo [de caminhão- pipa] após a manifestação. Não sai água da torneira faz 15 dias”, disse. “Se houvesse um caminhão-pipa a cada semana não haveria nem manifestação”, completou.

João Moreira Nascimento, de 50 anos, é pedreiro e conta que não consegue mais trabalhar. Morador há 20 anos do bairro, ele decidiu comprar uma caixa d´água extra. “Coloquei a caixa no chão e vou enchendo de bicas de água e poços na zona rural”, contou. Apesar de não ter água nas torneiras há um mês, a conta continua chegando. “Veio R$ 100 de conta, mesmo sem ter medição. Tenho três vizinhos pagando o mesmo preço.”

A casa da aposentada de 74 anos, Iraci Meira da Luz, foi uma das que receberam água do caminhão- pipa nesta manhã. Ela aproveitou para encher duas caixas de água e disse que assim consegue se manter por 15 dias. “Faz um mês que estamos sem água aqui. Meus filhos trazem água do sítio para tomarmos, fazer comida”, disse ela. O caminhão-pipa abasteceu sua casa pela última vez há dois meses.

De acordo com Vanessa dos Santos Silva, camareira de 34 anos, as aulas na escola do bairro estão sendo prejudicadas pela falta de água. A Escola Estadual Professor Anthenor Fruet, segundo ela, está sem aulas esta semana. A Agência Brasil entrou em contato com a escola, que informou estar sem funcionar devido a um recesso ainda decorrente do calendário da Copa do Mundo.

Fonte: AB

Celebrandos os tabernáculos - A Colheita


Técnicos do Banco Central fazem paralisação de 72 horas

Técnicos do Banco Central fazem iniciam hoje (14) paralisação de 72 horas. Essa será a quinta vez no ano em que os servidores fazem paralisação para pedir a modernização da carreira.

Os técnicos querem mudança no critério de acesso aos cargos da carreira de especialista do BC. O cargo de técnico passaria a ter exigência de nível superior e o de analista, além do nível superior, a prova de títulos.

O movimento sindical considera que atualmente há desvios de função no Banco Central, com analistas exercendo as mesmas funções dos técnicos, mas com salário maior. Se for exigido nível superior para os cargos de técnicos, o salário aumenta.

Na última paralisação, os técnicos reuniram-se com o presidente do BC, Alexandre Tombini, para levar a proposta de modernização da carreira adiante. E recentemente, eles foram recebidos pelo ministro de Relações Institucionais da Casa Civil, Ricardo Berzoini.

Para o Sindicato Nacional dos Técnicos do Banco Central, “mesmo com as promessas oriundas do governo de dar atenção a essa questão, não se deve recuar neste momento.”

Fonte: AB

sábado, 11 de outubro de 2014

Escritora cristã conta como usa sua fé para lutar contra a obesidade e relata o quanto já emagreceu após entregar o problema a Deus

A obesidade já é considerada um problema de saúde mundial. Diariamente somos confrontados com um grande número de noticias sobre pessoas que perderam suas vidas ou que enfrentam graves problemas de saúde devido ao excesso de peso. Porém, nos deparamos também com histórias de pessoas que venceram este problema das mais diversas maneiras, como a de Joyce Tilney, que afirma ter usado a fé para perder mais de 35 quilos.

Fundadora do ministério Women of God (Mulheres de Deus), Tilney contou recentemente sobre sua luta contra a obesidade em um artigo publicado pelo Charisma News. Tilney é também autora do livro “Why Diets Don’t Work – Food Is Not the Problem” (Porque dietas não funcionam – A comida não é o problema, em tradução livre), e afirma que só conseguiu vencer a obesidade quando entregou seu vício por comida a Deus.

- Depois que eu entreguei minha dependência alimentar ao Senhor, Ele me deu um plano de batalha que levou 36 kg do meu corpo. Sinceramente, eu não sabia que eu era viciada em comida até que o Espírito Santo revelou-me isto – afirma.

Ao falar sobre o poder da fé para superar a obesidade, Joyce Tilney ressalta que “com todas as informações disponíveis e todas as estatísticas de doenças relacionadas com a morte devido à obesidade, algo está faltando”.

- Somos mais do que um corpo. Como cristãos nascidos de novo, somos espírito, alma e corpo. Temos um inimigo que vem para roubar, matar e destruir (João 10:10). Satanás usou a comida desde o início, no Jardim, e ele não parou de usar alimentos para destruir a humanidade – afirma a escritora cristã.

Ela afirma que é necessário que o cristão que enfrenta este problema tenha fé de que Jesus pode o ajudar e precisa entregar a Ele o seu problema com a comida. Ela afirma que é necessário, através de Cristo, que o cristão recupere o controle sobre essa área de sua vida.

- Quando não temos controle em qualquer área de nossa vida espiritual, alma ou corpo, não estamos vivendo; estamos apenas existindo. É tempo de nós nos voltarmos para a Palavra de Deus para uma solução definitiva para a crise de obesidade no país e reconhecer o nosso inimigo e nos rendermos [a Deus] – ressaltou.

- Quando eu permiti que o Espírito Santo ministrasse sobre este desafio na minha vida, eu não estava mais obcecada com o pensamento sobre comida. Agradar a Deus com o corpo que Ele formou no ventre de minha mãe se tornou minha razão de viver – completou Tilney.

Fonte: GM

Atentado com carro-bomba mata mais de 30 pessoas em Bagdá

Pelo menos 34 pessoas morreram e 54 ficaram feridas após atentados com carros-bomba em dois bairros xiitas hoje (11) em Bagdá, no Iraque. A explosão de um dos carros contra um posto de vigia da polícia deixou pelo menos dez mortos e 31 feridos, em Kadhimiyah, um bairro a noroeste da capital iraquiana, onde se encontra um dos mausoléus mais sagrados do Islã xiita.

A oeste de Bagdá, no bairro de Shoala, pelo menos 24 pessoas morreram e 23 ficaram feridas. Na última quinta-feira (9), pelo menos 12 pessoas foram assassinadas em um outro ataque com um carro-bomba, no bairro de Sadr City, também xiita.

De acordo com as Nações Unidas, mais de 1.100 pessoas foram mortas em setembro em atos de violência no Iraque.

Fonte: AB